Postagem em destaque

Prefeito Enelto inicia construção de pontilhão para facilitar acesso da população a cidade, crianças não vão mais precisar andar 3 Km apé para ter acesso ao transporte escolar

Nessa quinta feita (14), a Prefeitura Municipal de Sonora, por meio da Secretaria de Obras, iniciaram a construindo de um Pontilhão q...

terça-feira, 31 de maio de 2016

Parabens ao guerreiro, batalhador Claudio Maffissoni, por mais um ano de vida!!!


Guerreiro, hoje é um dia especial na sua vida, pois comemora mais um ano de , existência  e  experiências. Que nessa data, as luzes do céu e as bênçãos do Senhor recaem sobre você e sua família. É dia de refletir reafirmar a sua missão na terra, renovar sua convicção e compromisso com a vida, por mais um ano inteiro que se inicia, com fé em Deus e no compromisso com a vida e como um homem de bem que sempre foi...

Nesse dia especial, seus familiares e amigos enviam para você energias e pensamentos positivos, sentimento que confortam, porém, há luz e amor ao seu redor. Aproveite este momento mágico da vida e peça a Deus proteção, para lhe guiar e tomar conta dos seus caminhos, segurar na sua mão fortalecer suas convicções enquanto você continua escrevendo sua história, de guerreiro batalhador.




Batalhador, você é especial aos olhos de Deus e aos olhos de todos aqueles que lhe amam. Que Deus derrame o seu amor sobre seu lar. Que a paz a saúde, o amor, o carinho e sucesso venha completar essa data especial na sua vida, renovando seus ânimos fazendo com que seja esse guerreiro e batalhador que sempre foi e será!!!



São os votos do blog sonoraagora.blogspot.com a Claudio Maffissone, por seu aniversário. Parabéns e muitas felicidades!


Edson Santos, publicidade nas redes sociais.
Atendendo pedido.

Devido a uma agenda lotada o governador Rinaldo Azambuja, infelismente não poder comparecer e prestigiar o 28º aniversario de Sonora, mas mandara representante.

      
                   

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB), não vai se fazer presente na comemoração do 28° aniversário de Sonora, que será comemorado no próximo dia 3 de junho de 2016. A informação veio por meio de integrante que faz parte do ninho tucano no município de Sonora. Por causa de uma agenda lotada, não dará tempo, mas Reinaldo mandara  seu representante, com a certeza do carinho, que tem por esse  município.




Segundo Cláudio Maffissoni também (PSDB), correspondente em Sonora, em contato ontem com assessoria  do Governador em Campo Grande, foi informado que o governador trabalha com  agenda antecipada de uma semana, que ele tem compromisso firmado neste momento em Brasília, pois   lamenta muito não poder comparecer no município de Sonora, cidade que tem carinho. " informou Maffissoni

Conheçam a história de Eliel Rufino, e sua visão política, chapa quente vem com força para o pleito 2016.



Eliel Rufino procurou o blog sonora pra contar um pouco de sua história e visão política. Definido como o menino de ouro por ser bem valorizado no seu partido (PEN), Eliel dos Santos Rufino, mais conhecido como Eliel Rufino, ganha elogias de gente grande do meio político, até mesmo da elite política, quando falam em seu nome como pré-candidato, a vereador pelo (PEN). Ao lado de Enelto, Mano e toda elite peemedebista do estado/MS.


Hoje Eliel tem 33 anos é casado há 8 anos com Daiana Correia dos Santo Rufino, mãe de suas duas filhas.  Ester dos Santos Rufino e Estela dos Santos Rufino. Entretanto, a vida não foi nada fácil para ele que teve de começar a trabalhar, aos 9 anos de idade como feirante para ajudar o pai no sustento da família, vendendo laranja, macaxeira, etc..,, em Campo Grande/MS.


Já em Sonora, Eliel trabalhou em laboratório, escritório e como assistente administrativo. Atualmente é funcionário público no município de Sonora. Eliel ocupa seu tempo livre para desempenhar trabalho social evangélico em prol da comunidade sonorense.


Para Rufino a benção de sua família estão pautada na comunhão e no seu amor e dedicação a Deus, o trabalho são a base para todos os seus sonhos e realizações tanto profissionais quanto pessoais. E se empenha em dar as suas filhas amor, carinho, conforto, educação e ensinar valores como a honestidade, a solidariedade, a ética, respeito e a fé em Deus. Rufino, com humildade, concorreu ao cargo de vereador pelo Partido Social Cristão (PSC) pela 1° vez, na eleições passada, obteve 245 votos, sem estrutura financeira e com sua simplicidade demonstrou que é possível fazer política com princípios sem vender valores morais, éticos, familiar.




OS VALORES DA POLITICA PARA ELIEL RUFINO SÃO COMPOSTOS POR: HONESTIDADE, ÉTICA, SOLIDARIEDADE, RESPEITO E ESPERANÇA.


"Honestidade -A honestidade é pré-requisito para quem pretende representar o povo, em qualquer tempo, pois é dada aos políticos a confiança de lidar com o dinheiro arrecadado, que deve ser usado para o bem de todos cidadãos. Porém, é preciso, ser honesto para desempenhar tão importante tarefa.
Ética - A ética é o princípio que não pode ter fim; Costumo dizer a todos que agir com correção em todos os momentos pode ser muito mais recompensador do que tentar levar vantagens ou vencer na vida prejudicando os outros. Não há sensação melhor do que encostar a cabeça no travesseiro e ter a consciência limpa, saber que cumprimos o nosso dever.
Solidariedade - O que custa ser solidário? O que precisamos para ajudar os outros? Vontade, basta querer para ajudar!
Respeito -Para mim, respeitar ao próximo significa que devemos tratar os outros da mesma forma que gostaríamos de ser tratados. Cada ser humano é único, com suas qualidades e defeitos, tendo, assim, direito à sua individualidade.
Esperança -Costumo dizer a todos que me cercam que por mais que uma situação pareça difícil, devemos sempre manter a esperança de que as coisas serão resolvidas. Isso, é claro, exclui nossa ação sobre o problema, mas é preciso elevar sempre o pensamento, aguardando o tempo certo de Deus sobre todas as coisas. Mantenha sua esperança sempre viva, cultive-a a todo o instante. Tudo dará certo", afirmou.

"Atreves do Deputado Estadual Lídio Lopes, Presidente Estadual do Partido Ecológico Nacional (PEN), e do pastor Valter Rodrigues de Almeida, presidente municipal do (PEN) em Sonora- MS, fui convidado a filiar ao (PEN) e aceitei compor o grupo. E já estou colocando meu nome a disposição, como   Pré-candidato a vereador pelo (PEN). Com isso, vamos construindo uma história, um caminho solido na política e despertando interesse em grandes partidos políticos de nossa cidade", lembrou Rufino.

Para tanto, recentemente Rufino, participou de uma reunião no gabinete do deputado estadual Junior Mochi (PMDB). Juntamente com o deputado estadual Lídio Lopez (PEN) e o ex-prefeito Zelir Antonio Mggioni o Mano, o pré-candidato a prefeito de Sonora, Enelto Ramos da Silva do (PMDB). Assim como pastor Valter Rodrigues de Almeida (PEN), e o chefe de gabinete do deputado Junior Mochi, o popular Ratinho Sonora também (PMDB), onde firmamos aliança entre (PMDB) e (PEN), para as eleições de 2016. Os números mostram, que Rufino e chapa quente e vem com força para o pleito 2016.


Johnny Depp espanca sua Mulher que aparece de olho roxo e acusa ator de violência doméstica. Sera que esse cidadão pensou que estava numa sena de filme de ação??????????????????????????????


Atriz já entrou com pedido de divórcio e agora também apela para uma ordem de restrição, segundo a revista "People


Pelo que tudo indica, o casamento entre o ator Johnny Depp e a atriz Amber Heard não vai acabar de uma forma amigável. Depois de abrir um processo de divórcio no começo desta semana, Amber agora acusa o marido de violência doméstica, segundo informações da revista "People".

Os dois se conheceram nas gravações de "Diário de um jornalista bêbado" e o relacionamento durou apenas 15 meses. No pedido de separação, a moça quer pensão alimentícia e solicita Johnny Depp pague seus gastos com advogado relativos ao caso, enquanto o ator rejeitou esses pedidos e ainda apelou à corte que considere os bens e rendimentos do ex-casal separadamente - algo que gira em torno de R$ 1,4 bilhão.

Amber Heard com olho roxo, supostamente após agressão de Johnny Depp
Amber Heard com olho roxo, supostamente após agressão de Johnny Depp.



Sobre a violência doméstica, segundo a publicação norte-americana, a atriz abriu uma ordem de restrição contra o ator por conta de uma agressão física depois de aparecer com um olho roxo - nos Estados Unidos, a ordem é julgada pela corte e visa proteger pessoas que sofrem algum tipo de abuso dentro de casa.  

Johnny Depp, através de sua assessoria, falou com a revista sobre o caso. "Diante da rapidez desse casamento e a recente perda de sua mãe, Johnny não vai responder nada sobre fofocas e histórias falsas sobre sua vida pessoal. Esperamos que o término desse casamento seja resolvido logo".




Sera que ele pensou que estava em uma sena de filme de ação???? Tem que algemar esse bruto!!!!

Revista "People".


segunda-feira, 30 de maio de 2016

Ex-prefeito João Cavalcante parabeniza Sonora pelo seu 28° aniversário.





O ex-prefeito João Cavalcante Costa, procurou o blog sonora para vir a público parabenizar o município de Sonora/MS pelo seu vigésimo oitavo aniversário. O mesmo pediu para repercutir sua fala no vídeo postado em seu perfil no Facebook.

Confira a fala de João Cavalcante e sua parabenização inerente ao aniversário de Sonora:




           

SUPER MERCADO AMIGÃO 27 ANOS PROCURANDO O MELHOR PREÇO PARA ATENDER A FAMÍLIA SONORENSE




AV. DR. MARCELO MIRANDA SOARES, N°844 CENTRO SONORA-MS FONES:(67)3254-1165 E 32541278

domingo, 29 de maio de 2016

Empresario Jose Vicente Schaefer destaca a importancia do grupo de Mano e outros lideres

                                  

Neste sabado 28/05/2016 o empresario Jose Vicente Schaefer destacou em seu perfil no facebook, a importancia do grupo comandado por Mano. No seu perfil nas redes sociais escreveu:

-Mais uma vez, demonstrou organização e competência para realizar eventos políticos, em Sonora. E, ao trazer nomes de peso da política de MS e até nacional, como o Senador Moka que ainda trouxe o apoio da colega Senadora Simone Tebet, do ex-governador André Puccinelli, do deputado federal Marun-afirmou Vicente lembrando ato de lançamento da pré-candidatura de Enelto no ultimo dia (20).

                                  Lembrança de trabalho Zelir Maggioni-Mano.

-E do presidente da assembleia legislativa Junior Mochi, mostra que tem um enorme patrimônio político a ser usado pelo município, mas que precisa ter no comando pessoas com credibilidade para poder usá-lo, como destacou o Senador Moka, de que "NOS ULTIMOS QUATRO ANOS NÃO RECEBI NENHUM PEDIDO PARA ATENDER SONORA COM EMENDAS"-disse o empresario relatando a fala do senador Moka dia (20).


-Com tudo isso mais o apoio do ex prefeito Mano, que fez a melhor administração que Sonora já teve, e ainda contando com outros aliados de outros partidos, o projeto de "RETOMADA DO CRESCIMENTO SUSTENTAVEL" com certeza terá êxito, e Sonora voltara ao seu lugar de destaque no senário estadual e da região norte de MS, em 2017-analisou lembrando da importamcia da liderança de Mano,






Ainda é importante ressaltar, que credibiliza da ainda mais prestigio ao Zelir Antonio Maggioni o Mano, pois alem dos 8 anos de progresso, e mesmo fora da vida pública, sempre manifestou preocupação e comprometimento com município de Sonora, isso foi comprovado quando tentou eleger candidato do (PT) para dar continuidade no seu trabalho, mas não teve sucesso. Porém, agora lança  Enelto para que possa sim dar continuidade no seu trabalho e no canteiro de obras que Sonora sempre vivenciou em seu mandato. Devemos fazer o bem sem olhar a quem..., e pensar em uma Sonora pra frente 100 % segura", frisou Mano.


Produção publicitária.


Enelto lançou pré-candidatura com conhecimento de causa e razão popular.

                                                



O pré- candidato Enelto Ramos da Silva (PMDB), ancorando  no embasamento seguro, das amizades do dia a dia de trabalho no comercio local. Com a preocupação em sempre melhor atender, em prol do bem-estar da família sonorense, independente de política ou religião. Sua histórico é de trabalho, superação e exemplo a ser seguido. Hoje pautado em sua história exemplar e no trabalho que sempre tem feito, sobretudo, no  diálogo fácil  e apoio que tem da elite peemedebista, ele coloca seu nome a disposição da população.


Ainda vale a pena mencionar que Enelto colocou seu nome à disposição fato que não foi uma decisão desejo dele próprio, mas sim uma decisão, em consenso de grupo (PMDB), que viu nele a pessoa ideal para virar essa página e colocar Sonora no rumo do progresso. Coerente que é, respeitou e acatou a decisão do grupo, uma vez que a visão do grupo no passado está sendo coerente com o presente, no que está acontecendo na pratica. Entretanto, o nome de Enelto, hora articulado desponta como favorito a prefeitura de Sonora, bem aceito está sendo abraçado pela população sonorense.


                                           Lembrança de trabalho Zelir Maggioni-Mano

A Pré-candidatura de Enelo não é por acaso, em contato com a família no dia a dia do comércio torna-se conhecedor da causa popular. Ramos conhece como poucos os problemas da população sonorense.  Além da Razão popular, sua pré-candidatura com sua competemcia em administrar, começou de baixo hoje é bem sucedido, ganha força com apoio de um time de peso. .


Entre ele destacan-se o deputado federal Carlos Marun, o senador Waldenir Moka, a Senadora Simone Tebet, o ex governador André Puccinelli, o presidente da Assembleia Júnior Mochi e do ex- prefeito Mano o melhor gestor que esse município teve, ambos ( PMDB). Diante disso, Ramos tem conhecimento de causa, e se sente preparado e com apoio para ser prefeito." Precisamos fazer com que nossa Sonora volte a ser aquela princesinha do Norte, um lugar seguro para morar e constituir famílias", frisou Enelto. 




Enelto lançou pré-candidatura com conhecimento de causa e razão popular.

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Dois projetos de lei malandros do deputado petista Wadih Damous


Dois projetos de lei malandros do deputado petista Wadih Damous, amigão de Lula:
O primeiro propõe a revogação da decisão do STF que estabeleceu a prisão de condenados em segunda instância, sem trânsito em julgado; o segundo, a proibição de delação premiada por indivíduos que estejam presos.
Se aprovados, esses dois projetos representariam um ataque de morte contra a operação Lava Jato.
O juiz Sérgio Moro fez o seguinte comentário acerca desses projetos de lei:

“Eu fico me indagando se não estamos vendo sinais de uma tentativa de retorno ao status quo da impunidade dos poderosos.”


DO HG

Evangelho do dia 27 de maio de 2016 (Marcos 11,11-26)


Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
11 11 Jesus entrou em Jerusalém e dirigiu-se ao templo. Aí lançou-os olhos para tudo o que o cercava. Depois, como já fosse tarde, voltou para Betânia com os Doze.
12 No outro dia, ao saírem de Betãnia, Jesus teve fome. l3 Avistou de longe uma figueira coberta de folhas e foi ver se encontrava nela algum fruto. Aproximou-se da árvore, mas só encontrou folhas pois não era tempo de figos.
14 E disse à figueira: "Jamais alguém coma fruto de ti!" E os discípulos ouviram esta maldição.
15 Chegaram a Jerusalém e Jesus entrou no templo. E começou a expulsar os que no templo vendiam e compravam; derrubou as mesas dos trocadores de moedas e as cadeiras dos que vendiam pombas.
16 Não consentia que ninguém transportasse algum objeto pelo templo.
17 E ensinava-lhes nestes termos: "Não está porventura escrito: ‘A minha casa chamar-se-á casa de oração para todas as nações’? Mas vós fizestes dela um covil de ladrões”.
18 Os príncipes dos sacerdotes e os escribas ouviram-no e procuravam um modo de o matar. Temiam-no, porque todo o povo se admirava da sua doutrina.
19 Quando já era tarde, saíram da cidade.
20 No dia seguinte pela manhã, ao passarem junto da figueira, viram que ela secara até a raiz.
21 Pedro lembrou-se do que se tinha passado na véspera e disse a Jesus: "Olha, Mestre, como secou a figueira que amaldiçoaste!"
22 Respondeu-lhes Jesus: "Tende fé em Deus.
23 Em verdade vos declaro: todo o que disser a este monte: Levanta-te e lança-te ao mar, se não duvidar no seu coração, mas acreditar que sucederá tudo o que disser, obterá esse milagre.
24 Por isso vos digo: tudo o que pedirdes na oração, crede que o tendes recebido, e ser-vos-á dado.
25 E quando vos puserdes de pé para orar, perdoai, se tiverdes algum ressentimento contra alguém, para que também vosso Pai, que está nos céus, vos perdoe os vossos pecados.
26 Mas se não perdoardes, tampouco vosso Pai que está nos céus vos perdoará os vossos pecados."
Palavra da Salvaç

Menina de 9 anos foi estuprada por cinco homens,,,Crime Barbaro jocou o Brasil e o mundo! Homens que participaram de estupros coletivos em MS seguem sem condenação

Menina de 9 anos foi estuprada por cinco homens


Três homens que estupraram uma jovem de 19 anos. Mais sete suspeitos de estuprarem uma criança de nove anos. Crimes que chocaram Mato Grosso do Sul e que seguem sem punição devem ser lembrados quando uma adolescente de 16 anos foi estuprada por 30 homens nesta semana no Rio de Janeiro.

Por aqui, os três homens apontados como autores do estupro coletivo a uma jovem de 19 anos em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, seguem sem julgamento mais de um ano após o crime. Edemil Arce Isnarde, de 26 anos, Coimando Arce Isnarde, de 20 anos, e Alfifo Arce Isnarde, de 23 anos, são acusados de violentar a vítima na madrugada do dia 10 de junho de 2015, na Aldeia Bororó. 

Resultado de imagem para FOTO DE CHORO
Passado mais de um ano desde o rumoroso caso ocorrido no interior de Mato Grosso do Sul e em meio ao recente debate sobre uma jovem vítima de crime semelhante no Rio de Janeiro, o Jornal Midiamax apurou que os acusados pelo estupro praticado em Dourados seguem presos, mas sem julgamento. O 'agravante'? Jovem e menina são índias, vítimas da 'cultura do estupro' presente nas aldeias e em meio a povos abandonados pelas políticas públicas.

LAUDO PERICIAL

O processo que corre à 1a Vara Criminal da Comarca não chegou ao fim e somente no dia 18 de maio o laudo pericial de exame de corpo de delito na vítima foi anexado aos autos. Encaminhado pela delegada Paula Riibeiro dos Santos Oruê, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher, o documento é a peça chave para a acusação apresentada pelo MPE (Ministério Público Estadual).

O laudo assinado pela médica legista Keila Figueierdo comprova que a jovem foi estuprada. A juntada desse documento aos autos processuais é a mais recente movimentação da denúncia que teve início no dia 13 de junho de 2015 e denúncia.
                                        Resultado de imagem para FOTO DE CHORO
PRESOS

Os acusados permanecem na PED (Penitenciária Estadual de Dourados) e recentemente tiveram um defensor público nomeado para defendê-los, já que o advogado indicado por eles não foi encontrado pelas autoridades e tampouco tinha registro na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). Isso aconteceu depois que o primeiro defensor dos réus desistiu do caso.

No inquérito policial que embasou a denúncia do MPE, foi apurado que a jovem de 19 anos foi estuprada por cinco pessoas. Além dos três réus do processo, dois adolescentes teriam participado do crime, que segundo a Promotoria foi encomendado por Lindalva Valdez, presa em Campo Grande.

Conforme os autos do processo, a vítima relatou detalhadamente a ocorrência do crime na delegacia. Ela disse ter ido até a casa de um homem a convite de Lindalva. Ao ir embora fora seguida por outro e abordada por cinco rapazes. Todos a estupraram durante a madrugada.


OUTRO CASO

Em outro caso de estupro coletivo ocorrido em Dourados, no dia 5 de outubro de 2014, uma menina de 9 anos foi violentada por um grupo de homens, também na Aldeia Bororó. A criança chegou a ser internada em estado grave na ala pediátrica do HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados).

Embora tenham sido apontados sete suspeitos pelo estupro na ocasião, esse crime já teve o processo julgado e resultou na condenação de três de cinco acusados, Fábio de Souza Irala a 12 anos e 3 meses, Júnior Alves Duarte a 11 anos e Reginaldo Souza Silva a 12 anos e 3 meses. Outros dois homens foram absolvidos, assim como um adolescente, à época do crime apontados como suspeitos.



                                           Resultado de imagem para FOTO DE CHORO

Edson Santos publicidade nas redes sociais.

Grupo que explodiu banco atua em células para dificultar prisões




A investigação sobre o grupo que explodiu uma agência bancária de Sonora, aponta que os envolvidos atuam em “células”, com a intenção de dificultar o trabalho policial. Algumas prisões foram decretadas e a inteligência agora atua para prender os envolvidos.

“Esses ladrões possuem grupos em todo o país, o que eles chamam de células. Neste caso, integrantes de alguns estados foram convocados para o crime. Eles são especialistas em roubos a banco e já temos conhecimento de que local seriam grande parte dos homens”, disse ao G1 o delegado Fabio Peró, da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros (Garras).

Conforme o delegado, a investigação teve início com os suspeitos de roubar o carro utilizado para a ação criminosa. Desde então, três pessoas foram presas, porém somente uma delas teve envolvimento com o roubo milionário em Sonora. Na ocasião, além de invadir e destruir a agência, eles fizeram reféns e atiraram em prédios públicos.


José Ronaldo dos Santos, de 41 anos, conhecido como Aldo, foi preso no Mato Grosso, suspeito de ter participado do roubo ao Banco do Brasil no último dia 18 de abril em Sonora, levando cerca de R$ 1 milhão em dinheiro. Ele foi preso na última segunda-feira (16) às 16 horas na cidade de Várzea Grande (MT) em uma rodovia conhecida como Lagarto e assim trazido para Sonora na última quarta-feira (18) por policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros (Garras) de Mato Grosso do Sul.


Além da apuração pelo Garras e outras delegacias, a inteligência da polícia também ouve testemunhas e faz interceptações telefônicas. Imagens de circuito interno também foram verificadas após 1 mês de investigação.

Apreensão

No dia 19 de abril, dois veículos utilizados no assalto foram localizados abandonados em um canavial, a 12 quilômetros da cidade. Eles foram roubados no início do mês, em Mato Grosso, e a investigação ainda apontará se eles foram levados exatamente para atuar naquela ocorrência.

Ataques

Além de destruir a instituição financeira com explosivos e atirar em unidades policiais, viaturas, almoxarifado e prédio da prefeitura, os bandidos também dispararam tiros em frente às casas de militares que estavam em folga, para impedir que saíssem. Todos os ataques foram simultâneos. Foram feitos, ao todo, mais de 100 tiros de fuzis, submetralhadoras, pistolas e escopetas.

Marcas de tiros ficaram em viaturas, carros particulares, paredes de prédios públicos e no chão. Ninguém morreu, porém, um tratorista de 43 anos, que preferiu não se identificar, conta que ao ouvir os tiros ele saiu para o quintal da casa dele e foi atingido na perna por uma bala perdida. A vítima recebeu atendimento médico e já está fora do hospital. “Só escutei bater na perna, a bala. Suspendi o short e vi que era uma bala, saí correndo de volta pra trás”, explica.

Entenda o caso

Para a polícia, a madrugada de terror foi causada por um grupo formado por 8 a 12 pessoas em quatro veículos. A ação teve início às 2h30 e durou aproximadamente 40 minutos. Análise de imagens feitas por câmeras de estabelecimentos vizinhos apontam cerca de quatro explosões na agência bancária.

Durante a ação dois homens, entre eles um taxista, foram feitos reféns. Eles foram obrigados a carregar malotes de dinheiro roubado dos cofres. Foram roubados cerca de R$ 1 milhão. Um taxista disse ao G1 que o clima que ficou na cidade é de tensão e medo.

A perícia recolheu um revólver de calibre 38 que pertence à empresa de segurança do banco. Cédulas dilaceradas também foram apreendidas assim como projéteis de armas usadas pelos bandidos.





              

Governo Temer anuncia pacote para retomar o crescimento da economia



O governo de Michel Temer anunciou, nesta terça-feira (24), as primeiras medidas econômicas que pretende implantar para tirar o país da crise. O presidente em exercício abriu a reunião com ministros e líderes de partidos aliados reconhecendo a importância da votação da nova meta fiscal nesta terça.

Michel Temer mandou vários recados: “Esse será o primeiro teste. De um lado do governo e de outro do legislativo para revelar aos brasileiros que nós estamos trabalhando. Eu sei que as coisas estão postas de uma maneira que todos querem testar as instituições nacionais. Lamento dizer que muitos que até propuseram a modificação da meta, hoje anunciam que vão tentar tumultuar os trabalhos para impedir a votação”.


O PRIMEIRO PACOTE
Governo Temer anuncia medidas fiscais.
medidas anunciadas;
teto para gastos;
recursos do BNDES;
impostos;
repercussão econômica;
rombo fiscal.

Temer também pediu apoio para as primeiras medidas que a equipe econômica anunciou para reequilibrar as contas públicas, entre elas, adiantar a devolução para os cofres públicos de R$ 100 bilhões da dívida que o BNDES tem com o Tesouro Nacional. “Nós estamos fazendo toda avaliação jurídica para verificar se não há, e não pode haver, nenhuma irregularidade para trazermos para os cofres públicos, pelo menos, R$ 100 bilhões neste momento”, afirma.

O governo também espera um sinal verde da área jurídica para tomar outra medida: a extinção do fundo soberano, criado em 2008 para servir como uma espécie de poupança do governo e resgatar o saldo desse fundo, que é de R$ 2 bilhões. Além disso, o governo vai frear novas desonerações para setores da economia, o que deve trazer outros R$ 2 bilhões para as contas públicas.

O ministro da fazenda Henrique Meirelles disse que outra medida será o envio de uma proposta de emenda à constituição para limitar as despesas públicas. O limite de crescimento vai corresponder à inflação do ano anterior. O objetivo é frear o crescimento desses gastos que dispararam nos últimos anos. “Uma medida que é estrutural, uma medida que já controla as despesas públicas para os próximos anos e, portanto, com impactos relevantes na dívida pública”, explica Meirelles.

O governo disse que vai tocar uma reforma da Previdência e pediu prioridade na votação de projetos que já estão no Congresso: o que estabelece critérios mais rígidos para a escolha de presidentes de fundos de pensão e empresas estatais e o que rediscute a participação da Petrobras em contratos de exploração do Pré-Sal.

Após 13 dias de governo - e depois de já ter recuado de algumas decisões, como a extinção e recriação do Ministério da Cultura, e da saída de um ministro próximo, Romero Jucá - Michel Temer disse que, se o governo errar, vai corrigir: “Quando eu perceber que houve um equívoco na condução do governo, eu reverei essa posição. Não tem essa coisa de não errei. Posso ter errado. Posso errar. Procurarei não errar, mas se o fizer, consertá-lo-ei”.

Michel Temer fez questão de apresentar as medidas econômicas primeiro para os líderes da base de apoio do governo no Congresso. Em seguida, a equipe econômica detalhou as medidas para os jornalistas.Não houve anúncio de aumento de impostos. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que neste primeiro momento não existe previsão de novos tributos. O que pode vir em um segundo momento são reduções de desonerações que foram dadas no governo passado para setores da economia.

A proposta de emenda à constituição que estabelece um teto para o crescimento dos gastos públicos vai limitar todos os gastos, incluindo saúde e educação. O desafio agora é assegurar maioria de votos no Congresso para uma votação difícil como essa, que exigem muito apoio. Meirelles disse que o objetivo é que as medidas anunciadas nesta terça-feira tenham um impacto permanente sobre o crescimento das despesas públicas. Ele falou também sobre a importância de limitar gastos de maneira global: 

"Estamos finalizando os estudos, mas deveremos propor também que as despesas de saúde e educação sejam vinculadas também a esse teto, a esse crescimento das despesas totais baseado na inflação e, portanto, com o crescimento real zero. Só isso já representa um fator de grande importância, além  evidentemente que vai demandar cortes eventuais de subsídios e uma série de outras coisas. Em resumo, é uma medida muito forte e que sinaliza um programa de controle de despesas para os próximos anos. Não será apenas uma medida pontual com efeitos limitados".

Durante seu pronunciamento, Michel Temer também fez um comentário sobre ataques que tem sofrido, sem citar nomes: "Nós estamos sendo vítimas de agressões. Eu sei como funciona isso, uma agressão psicológica, pra ver se amedronta o governo. Nós não temos a menor preocupação com isso. Aliás, estou fazendo esses comentários apenas para revelar que nós não temos que dar atenção a isso. Nós temos é que cuidar do país. Aqueles que quiserem esbravejar façam o quanto quiserem, mas pela via legal, democrática, até com nosso aplauso. Nós vamos olhar pra frente e dizer nós temos uma tarefa, uma missão, que é fazer com que o país caminhe na meta do crescimento, da harmonia".
Reação do mercado

Antes do anúncio das medidas, o mercado financeiro apontava uma reação positiva, vista como um voto de confiança. A bolsa subia e o dólar caía. A bolsa também ganhava impulso porque caiu por vários dias.
Quando vieram as medidas, a alta se manteve, mas cautelosa, já que para quem atua no mercado financeiro é importante ver como o Congresso vai receber todas essas medidas.


A valorização começou a ceder com a queda das ações do Banco do Brasil. O fim do fundo soberano pode colocar no mercado 100 milhões de ações do banco e quando há uma oferta grande assim, o preço cai. A ideia do governo é usar os R$ 2 bilhões que estão no fundo para ajudar a diminuir o endividamento público.

G1



          

TRÂNSITO Sancionada lei obriga uso do farol baixo em rodovia mesmo durante o dia

Multa de R$ 85 e 4 pontos começa a ser aplicada em 45 dias, diz governo


   

O presidente em exercício Michel Temer sancionou a lei que torna obrigatório rodar em estradas com os farol baixo aceso mesmo durante o dia. A mudança no Código Brasileiro de Trânsito (CTB) foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (24) e, segundo o Ministério das Cidades, começa a valer em 45 dias, que é o prazo para os cidadãos se adaptarem às novas regras.

Temer vetou o artigo que dizia que a medida entrava em vigor na data da publicação por considerar que "sempre que a norma possua grande repercussão, deverá ter sua vigência iniciada em prazo que permita sua divulgação e conhecimento". O veto será submetido ao Congresso.

Até então, o uso de farol só era exigido para todos os veículos durante a noite e em túneis, independentemente do horário do dia.

Multa e 4 pontos na CNH
O descumprimento será considerado infração média, com multa de R$ 85,13 e 4 pontos na carteira de habilitação. O valor subirá em novembro deste ano, assim como o de outras multas.

O projeto de lei foi proposto pelo deputado Rubens Bueno (PPS-PR), e relatado por José Medeiros (PSD-MT) no Senado. O parlamentar considerou que a imposição pode “aumentar” a segurança nas estradas.

“Trata-se da imposição de um procedimento bastante simples e de baixo custo que poderá aumentar a segurança nas estradas e assim contribuir para a redução da ocorrência de acidentes frontais nas rodovias e, consequentemente, salvar inúmeras vidas”, defendeu Medeiros.

Valor das multas subirá
Antes de ser afastada para o julgamento do impeachment, Dilma Rousseff sancionou, em abril, medidas que endurecem as punições para infrações de trânsito. O valor das multas subirá entre 52% e 66% em novembro deste ano.Além disso, a punição para o motorista que for flagrado falando ou "manuseando" o telefone passará de média para gravíssima.

Veja os novos valores:
Infração leve
- De R$ 53,20 para R$ 88,38 (aumento de 66%)
Infração média
- De R$ 85,13 para R$ 130,16 (aumento de 52%)
Infração grave
- De R$ 127,69 para R$ 195,23 (aumento de 52%)
Infração gravíssima
- De R$ 191,54 para R$ 293,47 (aumento de 53%)




Pedro Gomes: Eleições 2016; em reunião com cúpula, PMDB apresenta nome de Gustavo Mota como pré-candidato do partid


Ex-prefeita Maura Jajah(PMDB), juntamente com partidários apresentaram ontem (24) o nome do vereador Gustavo Mota como pré-candidato do partido para as eleições de outubro. A maioria dos peemedebistas apoiaram a sugestão do jovem vereador em colocar o seu nome para a apreciação do partido.

Ex-prefeita Maura Jajah está empolgada com o nome de Gustavo Mota, porém, há divergências por parte de alguns peemedebistas que não concordam com o nome de Gustavo, alegando a sua recente filiação ao PMDB. O nome do vereador Toninho do Fidêncio também foi cogitado como pré-candidato, mas caciques do partido testificam que o nome não viabiliza.

O PMDB parece estar vivendo uma “crisinha de ego” que pode enfraquecer o partido e fortalecer outras bases. Insistem no nome da ex-prefeita, que refuta sair candidata. Essas pessoas -sem expressividade eleitoral- anda fazendo barulho e irritando a ex-mandatária [Maura Jajah], que promete rodar a baiana com as rebeldias peemedebistas.

Gustavo já aprece em pesquisas fora do partido. O jovem vereador tem o apoio da maioria do PMDB para disputar as eleições deste ano. Como fruto da reunião, será realizado uma sondagem interna para apontar qual nome da sigla desponta. Isso, presume, aplacar os revoltados e unir todo o PMDB. Mais o partido ainda tem uma última cartada; seria o deputado estadual Júnior Mochi que “exigiria” a união de todo o PMDB.






quinta-feira, 26 de maio de 2016

Comandante do 5ºBPM visita Sonora e inicia Bom de Bola Bom na Escola, para Mais um ano de Trabalho

Avalos visitou os poderes Legislativos e Executivo e participou do inicio do projeto.



Em 2015, o projeto Bom de Bola Bom na Escola promovido pela PM/MS, em parceria com órgão publico foi sucesso, formado varias crianças e adolescestes. De fato ,tal ação foi amplamente verificado, no ano em que se passou, como exemplifica os canais de mídias da região e o publico que presenciaram. Na ultima quarta-feira 25/05/2016, o Tenente Coronel do 5º Batalhão de Polícia Militar, Márcio Avalos Cabanha, participou de vários compromissos em Sonora.




Cabanha visitou  autoridades locais e deu início ao ano letivo do programa Bom de Bola Bom na Escola promovido, pela PM/MS em parceria com poder público. O programa visa oferecer aos jovens com idade entre 10 e 17 anos a possibilidade de realizar escolhas saudáveis, afastando os adolescentes das drogas e da violência, promovendo a paz e praticando a cidadania através do esporte. 



De acordo com o comandante que recém assumiu o 5º BPM, a ida a Sonora consiste em visitar as autoridades, conhecer as dificuldades e os projetos sociais em andamento e as possíveis parcerias na cidade em benefício da população e a segurança em si.

Acompanhado do comandante do 2º pelotão da PM de Sonora, tenente Marcio Felipe Ribas Junior, o comandante Avalos visitou o gabinete do prefeito Yuri Valeis (PSDB) e do presidente da Câmara, Ezequiel, (PSB). Lá falaram de problemas enfrentados e as possíveis parcerias em projetos sociais como o Bom de Bola Bom na Escola, Proerd e outros que podem inserir a crianças e adolescentes da cidade.


No início dos trabalhos do projeto Bom de Bola, Bom na Escola compareceram o vereador Cirso Almeida Pinto, o Ney da Horizonte (PSDB), representantes do Conselho de Segurança da Comunidade (Conseg), pais e o gerente da Caixa Econômica Federal (CEF), Renny Delmondes.



O comandante do 5º BPM destacou o trabalhos dos instrutores a frente dos projetos, falou para os alunos sobre os desafios e orientou ter obediência e respeito aos pais. "A comunidade unida, os poderes constituídos e seguindo a mesma linha de raciocínio e com apoio a projetos como o Bom de Bola Bom na Escola, podemos formar cidadãos de bem e honesto, retirando das ruas nossas crianças e os ensinando o caminho certo, incentivando sempre a presença da família", frisou o comandante Avalos.


O ano passado o projeto Bom de Bola Bom na Escola uniu esforços e teve sucesso ao presenciar a felicidade e ouvir depoimento de mãe, que a tempo não conversava com próprio filho, que era muito rebelde, mas foi corrigido pelo Bom de Bola.  Agradeceu o trabalho por ter seu filho nos braços de volta. "Agradeço ao Bom de Bola, pois a tempo não falava com meu filho", disse uma mãe. "Para nós a maior felicidade é poder compartilhar desse momento único, que não tem preço, é essa satisfação e objetivo do programa, sobretudo, os jovens, crianças e adolescente são futuro da nossa nação temos que ajudar a conduzir para o caminho de futuro, sucesso",  lembrou Ribas.

Lembranças de trabalho do ano passado:


Lembrança do trabalho do ano passado.  
Mães agradeceram por ter seu filho recuperado e nos braços de volta.
Graças a união de esforços do programa Bom de Bola.









                                   


Idest, reeditado para acríssimo de informações.
Foto: Reprodução Facebook